ALÉM DO DECLARADO – “Nós iremos construir palanque de apoio ao presidente Bolsonaro em Sergipe, junto com os demais partidos que estejam alinhados localmente para o apoiar”, Rodrigo Valadares, dep. estadual (FaxAju, 12/01/22)

A fala do deputado sergipano, que está essa semana em Brasília, tem sua lógica, claro. Rodrigo, ainda que isso tenha ocorrido após sua eleição em 18, tem todo o direito de se posicionar à direita ou em qualquer direção que desejar. Assim como também tem todo o respaldo para defender o que pensa, o quê, no caso, significa defender a reeleição do presidente Jair Bolsonaro (PL), colocando o partido que preside em Sergipe, o PTB, nessa missão. Até aqui, tudo bem, tudo certo. Mas ficou faltando algo nessa história: por quais razões o deputado Rodrigo Valadares não externou, junto ao presidente, a sua até recentemente grande preocupação com o que ele mesmo qualificava como “grande injustiça”, ou seja, a prisão do ex-todo poderoso do mesmíssimo PTB, Roberto Jefferson? Atualmente, como se sabe, Bob Jeff não manda mais em nada quando o assunto é PTB nacional. Mas, para manter fidelidade ao próprio discurso, além da empatia até então demonstrada, não seria de bom tom que Rodrigo apelasse a Bolsonaro e, até mesmo, dele extraísse alguma fala referencial ao que, em algum momento lá atrás, ambos qualificaram como a “prisão arbitrária” de Roberto Jefferson? Sigamos…

1 Comentário

Deixe um Comentário