Itaporanga na frente: prefeito Otávio Sobral e procurador Marcelo Sobral fazem audiência pública sobre zoneamento costeiro

Não, não se trata de mais uma audiência pública daquelas em que muito se fala, muito se projeta, mas pouco se efetiva. A verdade é que o município de Itaporanga D’Ajuda está fazendo sua parte e deu o pontapé inicial nas discussões sobre o zoneamento de sua área costeira. Como se sabe, com destaque para a conhecidíssima praia da Caueira, Itaporanga tem um imenso potencial turístico e imobiliário. Mas para que isso seja usado a favor do município e da população, é preciso regramento, marcos legais e que tais. Por isso que a postura do prefeito Otávio Sobral (PSDB) e do procurador do município, Marcelo Sobral, merece ser ressaltada, uma vez que eles reuniram, na semana passada, moradores, vereadores, secretários, presidentes de associações e representantes de outros poderes justamente na Caueira, local referencial, e que, com tudo caminhando bem, deve viver um boom em termos de desenvolvimento nos próximos anos. E as palavras do próprio Marcelo é que resumem muito bem a importância desse momento para o futuro de Itaporanga e, por que não dizer, de Sergipe, uma vez que o zoneamento costeiro, quando for realizado em toda a costa sergipana, trará impactos positivos que marcarão gerações e mais gerações no futuro. “Audiência Pública, teve o intuito de contribuir para a elaboração de Lei Municipal que venha estabelecer normas e regras para a devida ocupação de solo e manejo dos recursos naturais na zona litorânea, promovendo assim o desenvolvimento sustentável do meio ambiente, do turismo, da economia e da promoção de novos benefícios sociais para Itaporanga e toda a nossa região”. Falou e disse, Marcelo Sobral!

 

Deixe um Comentário