Preço do gás natural tem caído, mas não o suficiente (ainda!)

Semana passada saiu mais uma boa notícia para quem consome gás natural em Sergipe: durante os meses de agosto, setembro e outubro de 2020 Sergipe terá a terceira redução consecutiva na tarifa do produto. É importante que isso esteja ocorrendo, mas, atente bem: não está nem perto do que deve vir por aí. E falo isso sem a menor cerimônia, pois que conhece o perfil do atual comandante da Sergas – braços estatal na distribuição de gás em Sergipe –, Valmor Barbosa, sabe que ele não é de meias palavras e nem de meias atitudes. E a queda de braço que ele encarou em relação ao preço do gás é pra valer. A Mitsui, empresa japonesa que, de fato, detém a maior fatia da empresa já deve ter percebido isso e tem cedido, com base em dados e planilhas extensas. Mas o fato é que a luta de Valmor, apesar de ser imensamente louvável, esbarrará em um aspecto fundamental: o preço do gás não cai mais e mais porque a base de consumo é baixa. Só mesmo uma ampliação na distribuição do gás poderá fazer – a médio e longo prazo – os preços caírem de forma substancial e sustentável. De toda sorte, já é um alento vermos que, ao menos até aqui, a curva do preço do gás natural está na descendente. Já é uma boa notícia.

Semana decisiva

Shoppings reaberto? É, pode ser. Ao menos isso é o que deixa escapar o governador Belivaldo Chagas (PSD). Nesta semana, reunião com os representantes dos shoppings. Mas, independente do que aconteça, uma coisa é certa: nada de praça de alimentação, ao menos por enquanto.

País muito louco

Mesmo quando a decisão governamental é boa, em termos econômicos ela acaba tendo seus óbices. É o caso da decisão de que um novo tipo de gasolina agora passa a ser obrigatório nas bombas dos postos. Ok, a garantia de que o combustível virá com mais qualidade é o que torna a decisão boa. Mas e a tal liberalização econômica tem mesmo a ver com esses tipos de decisões via decretos governamentais?

Vai na fé

Em tempos de crise, jogos de azar – ou de sorte, sabe-se lá! – são um grande negócio. E a Caixa sabe disso. Veja só: a Lotofácil está cheia de novidades, pois a partir desta segunda, 3, os sorteios passarão a ter periodicidade diária, de segunda-feira a sábado. Outra mudança na modalidade é a premiação adicional aos concursos de final 0.

Deixe um Comentário