Fábio Mitidieri, rápido na resposta, posiciona-se no AndersonsBlog

Em “Fábio Mitidieri e a necessária lição do “cada um no seu cada qual””, AndersonsBlog opinou que considerava o uso, por parte do deputado federal Fábio Mitidieri (PSD), da expressão “menino” seria uma espécie de auto intitulação e tal – para entender, leia aquele texto do link que abre este aqui. Fábio foi rápido e respondeu prontamente aos questionamentos levantados por mim. “Enquanto as críticas ao meu nome forem a minha idade, não me incomodo. Na verdade, estou tranquilo. Me sinto preparado para o desafio, tenho recebido apoio de todo o Estado e sei que vou ter oposição, o que é natural”, disse o deputado. Quanto a alcunha, Fábio considera que houve má intenção da parte de quem o alcunhou. “Quanto me chamaram de “menino”, a intenção era me desqualificar. Como não dei atenção e abracei a minha juventude como uma coisa positiva, acho que esperavam outra reação, que eu me irritasse, talvez”, avalia. Mas AndersonsBlog lembrou que a análise não era “de oposição”, mas de opinião, simples assim! “Sei que não partiu de você e não me “auto intitulei”, eu fui “intitulado” com intenção de me diminuir. O que fiz foi apenas tirar por menos, pois acho que a idade é menos importante que a mentalidade. E não farei uma campanha baseada nesse tema, mas nas propostas para meu Estado. Quero ter a disposição de menino, coragem de nordestino pra enfrentar os desafios”, encerrou Fábio Mitidieri. Assim, é possível confirmar duas coisas: a primeira é que a vibe de Fábio é realmente boa, um cara legal e desencanado, como atestava o texto anterior. E a segunda é que, como as palavras do próprio Fábio esclarecem, muito dificilmente ele não será candidato majoritário em 22! Só pra reforçar, contando com a fala dele mesmo: “não farei uma campanha baseada nesse tema, mas nas propostas para meu Estado”. É ou não é uma declaração bastante assertiva sobre o que pretende eleitoralmente Fábio Mitidieri para o ano que vem? Segue o baile e valeu, Fábio! Tanto pela atenção, como pela tranquilidade na defesa de seus pontos de vista. É por aí!

Deixe um Comentário